Quando se trata de e-mail marketing diversas dúvidas pipocam na cabeça de nossos clientes, como exemplo: qual a diferença entre e-mail marketing e spam? Se eu fizer uma campanha de e-mail marketing meus clientes vão gostar? Funciona? Vale a pena? Eu não vou encher a caixa de entrada deles? Bom, a resposta é clara – e-mail marketing e spam são ações completamente diferentes e essa má impressão é ocasionada pelo mal-uso das estratégias.

O SPAM se caracteriza por ser uma técnica invasiva de disparos de e-mail, pois utiliza dos domínios para efetuar disparos sem autorização. Já o E-MAIL MARKETING é uma estratégia de Marketing Digital que só dispara e-mails para quem aceita previamente recebê-los, ou seja, são facilmente confundidos, porém a forma de atuação de um não tem nada a ver com a do outro.

Para quem ainda não utiliza o e-mail marketing como forma de impactar os clientes, vale a pena conferir esse artigo e começar a pensar sobre o assunto. Agora, para quem já utiliza, é interessante prestar atenção nos pontos a seguir para garantir que a sua estratégia de marketing direto está sendo feita da forma correta.

Diferenças entre e-mail marketing e spam:

SPAM

Sua principal característica é o envio de conteúdos de e-mail para milhares de pessoas ao mesmo tempo, que na maioria das vezes não aceitou esse tipo de envio, às vezes nem tem conhecimento da empresa que disparou ou simplesmente não têm interesse pelo que está sendo anunciado. É como se fosse um vizinho chato que bate na sua porta domingo de manhã – não é um grande mal, mas esse tipo de atitude invasiva deixa as pessoas insatisfeitas por conta do tipo de abordagem e isso impacta diretamente na reputação e imagem que a empresa quer passar.

Além disso, as empresas que se tornam spammers (fazem uso constante desse tipo de abordagem) entram em um tipo de lista negra da internet e com isso, todos os seus e-mails disparados podem ir diretamente para caixa de spam ou lixeira dos leitores.

EMKT (e-mail marketing)

Leve em consideração que o disparo de e-mail marketing, se feito com inteligência, é uma das melhores táticas para impactar clientes em estratégias de Marketing Digital, pois além de ser mais econômico atinge um grande número de pessoas.

É importante o planejamento de uma inteligência estratégica para os seus disparos, tendo como principal objetivo criar e nutrir uma lista de leads própria e qualificada para sua empresa, onde os visitantes do seu site aceitam previamente participar desta lista.

Partindo desse ponto, se torna mais fácil e eficaz a abordagem. Com a colaboração de profissionais capacitados é possível acompanhar e analisar o comportamento de cada lead e separá-los de acordo com seus interesses e a etapa do funil de vendas que ele se encontra.

Confira algumas boas práticas:

  • Sempre filtre a sua base de e-mails e segmente os disparos de acordo com os assuntos de interesse dos seus leads para que a comunicação seja eficaz e os números de opt out (pedido de cancelamento dos envios) sejam pequenos.
  • Se o e-mail não teve uma boa taxa de abertura ele poderá ser reenviado, mas é interessante mudar o subject (assunto) antes do novo disparo. Assim, evita que ele seja caracterizado como um e-mail duplicado e que vá para a caixa de spam.
  • O conteúdo dos e-mails precisam ter relevância e qualidade para garantir que os seus leads se interessem em abrir os próximos envios. Fontes confiáveis, um bom layout e uma boa estrutura das informações devem ser levados em consideração no planejamento da sua estratégia.
  • Crie uma régua de relacionamento onde os disparos serão automatizados de acordo com o momento de compra que o seu lead está. E-mail de boas-vindas no início do contato, aniversariantes do mês, promoções e cupons de desconto são alguns tipos de e-mails que podem ser enviados. Entendendo a etapa do seu lead e personalizando essa comunicação torna sua estratégia mais eficaz.
  • Jamais compre uma lista pronta de e-mails e dispare aleatoriamente. O e-mail é um contato pessoal do cliente e não é legal impactá-los com informações que eles não desejam receber. Por mais que você considere o seu produto, serviço ou conteúdo interessante, impactar pessoas que não aceitaram o envio pode ocasionar em uma má reputação para sua empresa. Escolha ter sempre uma lista própria de e-mails para sua empresa.

Perceba como mesmo sendo semelhantes, o e-mail marketing e o spam são abordagens completamente diferentes e caracteriza se a empresa é séria ou não, pois as que desejam se relacionar com os clientes de forma assertiva precisam abordar quem deseja realmente receber esse tipo de informação. A contratação de uma equipe especializada na criação, nutrição e acompanhamento da sua lista é de suma importância e a Agência Unius tem essa solução para você. Venha bater um papo com a gente e entender como colocar essa estratégia em prática. Estamos te esperando!